A CAMINHAR HÁ 2500 ANOS ...

...entre a natureza e o património cultural, descubra a terra onde a mais antiga forma de escrita da Península Ibérica nasceu

INSCREVA-SE

 
PROGRAMA

Um vasto programa durante 3 dias com mais de 50 actividades!

CAMINHADAS

Percursos circulares, caminhadas temáticas e de longa duração e passeios inclusivos.

WORKSHOPS

Sessões técnicas com especialistas de diversas áreas.

COMO CHEGAR

Venha de transportes colectivos, transporte pessoal ou mesmo a caminhar

ONDE COMER

Restaurantes, menus, churrascada...No Ameixial ninguém passa fome!

ONDE DORMIR

Seja a acampar, acantonar ou num estabelecimentos hoteleiro, existem várias opções

WFA - Walking Festival Ameixial foi o primeiro evento do género a realizar-se no Algarve e, possivelmente, o primeiro em Portugal. A primeira edição ocorreu em 2013 e desde então tem vindo a repetir-se anualmente.

O conceito do evento não é original, tendo o mesmo sido inspirado nos festivais de caminhadas que ocorrem regularmente na Europa.

Contudo, a temática que o festival invoca – a Escrita do Sudoeste – é única e exclusiva da região. A Escrita do Sudoeste é uma intrigante e primitiva forma de comunicação composta por 27 distintos signos esculpidos, de baixo para cima e da direita para a esquerda, em blocos de pedra que eram fixados no solo (estelas) e que foram encontrados entre as serras do Mú e do Caldeirão.

O WFA possui um programa que inclui caminhadas para todos os públicos, workshops, palestras, momentos de relaxamento, acções de arte pública e animação musical.

O WFA é promovido pela QRER – Cooperativa para o Desenvolvimento dos Territórios de Baixa Densidade, e é organizado pela Proactivetur e Projecto ESTELA, e conta com o apoio da Junta de Freguesia de Ameixial, da Câmara Municipal de Loulé e da Região de Turismo do Algarve.

ESCRITA DO SUDOESTE

A “escrita do Sudoeste” trata-se da mais antiga escrita da Península Ibérica, e uma das mais antigas da Europa. É um dos mistérios e um dos maiores tesouros da arqueologia europeia e uma imagem de marca desta serra como símbolo privilegiado da herança histórica da região. Terá aparecido há cerca de 2500 anos no Sul de Portugal e Andaluzia, concentrando-se na serra entre o Algarve e do Baixo Alentejo. É conhecida pelas pedras com inscrições - as estelas - blocos de pedra para serem fixados no solo, onde o texto era gravado e escrito em arco no sentido contrário ao nosso: de baixo para cima e da direita para a esquerda. Esta escrita ainda hoje não foi decifrada.

CONTACTOS
Tlm: +351 926659216
error: Este conteúdo está protegido
error: Este conteúdo está protegido